consultoria de estilo

Elegante e confortável

Linha Social Comfort é alfaiataria com o conforto do moletom - ou, se preferir, moletom com a elegância da alfaiataria

Por 2min
4 de novembro de 2020

Alfaiataria com o conforto do moletom. Ou será moletom com a elegância da alfaiataria? Elegantemente confortável e confortavelmente elegante, chegou a linha Social Comfort, mais um episódio do verão 21 da Reserva.

Para entender melhor, conversamos com o estilista Igor de Barros sobre a linha que tem calça e bermuda disponível em três cores.

– Estamos falando de uma roupa casual, pensada pro fim de semana. Simplicidade e conforto fazem qualquer roupa ser melhor. Este é um ponto de partida de todo desenvolvimento de roupa. A ideia dessa linha era revisitar e repensar a alfaiataria, pro nosso clima tropical – explica.

O primeiro ponto para o desenvolvimento da Social Comfort foi encontrar a matéria-prima, uma sarja de algodão bastante acetinada e com elastano, que permite bastante respirabilidade pro corpo, além de movimento.

– Depois disso, foi olhar o produto e entender que bolsos ele realmente precisava ter, como encaixar esses bolsos na peça, entender todos esses acabamentos. No momento do desenho, quisemos dar uma autoria maior para esse produto. Então começamos a olhar pros nossos clássicos para entender o que a gente poderia colocar nesse produto – diz Igor.

Mesmo tendo sido pensada há tanto tempo (neste momento, o departamento de Estilo da Reserva já trabalha na coleção de verão de 2022), é curioso que essa coleção já tivesse o conforto como principal atributo, totalmente em sintonia com este momento pré-vacina, em que ficar em casa continua sendo uma ótima escolha.

– O acaso é algo com que a gente trabalha, faz parte do processo criativo. Mas o conforto é uma palavra-chave sempre. Nos nossos desenvolvimentos, a gente utiliza sempre esse pilar de funcionalidade e, pro dia a dia, nada mais funcional que o conforto – avalia o estilista da marca.

A nova linha tem um detalhe extra: a camisa Oxford azul claro, item eterno nas coleções da Reserva, foi o  material utilizado para a forração das peças. Além disso, a alfaiataria é cheia de entretelas e forros, pra deixar o tecido o mais leve possível e fizesse com que o próprio tecido se estruturasse.

– Então tem um acabamento mais leve, as costuras são limpas, e onde precisamos forrar, usamos o Oxford – explica Igor. – E a gente fez uma versão bermuda a partir da calça, com cara de alfaiataria. É uma experiência nova.

E única.

A conversa completa com Igor de Barros está no nosso Podcast da Reserva, no Spotify.

Curtiu? Veja também:

Roupa feita de lixo

Mar afora, mundo adentro

Para o verão, linho