consultoria de estilo

Oxford: clássica e versátil

Camisa não sai de moda e serve para ocasiões em que a elegância pode ser levemente despojada

Por 2min
17 de fevereiro de 2021

A sabedoria popular associada ao futebol costuma lembrar a célebre frase (na verdade, nunca dita): “Clássico é clássico e vice-versa”. Mas nem sempre se resume a isso. É o caso, por exemplo, da camisa Oxford, que podemos considerar, sim, um clássico pra vida toda, daqueles que nunca saem de moda. Especialmente para as ocasiões em que a elegância pode ser levemente despojada, o que a torna o clássico mais versátil entre os clássicos.

Vamos a um exemplo um pouco mais palpável: para os mais descolados, a Oxford vai bem com calças jeans e tênis; os mais tradicionais preferem compor o visual com calças de alfaiataria e sapatos. Quem manda é o seu gosto.

O colarinho da Oxford da Reserva é a reinvenção do básico. Os modelos com botões conferem um ar esportivo, sem deixar de ser uma opção para uma ocasião social, dispensando o uso da gravata. Apropriado para o nosso clima tropical.

Feita em tecido nobre 100% algodão – chamado de Oxford, o que acabou batizando a própria camisa –, tem um toque macio e confortável, que não amassa com facilidade e tem lavagem simples, o que a torna uma excelente opção para viagens de lazer ou negócios.

Com design limpo e seco, tem proporções ideais de gola, vista, punhos e shape, sendo sempre revisitada pela equipe de estilo da Reserva. Isso mantém a camisa – apesar de clássica – conectada com as últimas tendências.

A Reserva tem variantes de cor e de comprimento das mangas – e, claro, versões para o seu Mini.